Páginas

domingo, 26 de março de 2017

Parabéns Sir Elton John pelos 70 anos

Sábado, 25 de março, o cantor e compositor comemora 70 anos de vida: Parabéns!

Elton John já ganhou seis Grammys, quatro Brits e um Oscar. Bem acomodado na biblioteca de sua luxuosa casa em Windsor, ao sudoeste de Londres, "sir" Elton John está cercado de prêmios que marcaram uma carreira brilhante - de apenas um lado da mesa, há nada mais, nada menos do que 16 estatuetas Ivor Novello, a premiação de maior prestígio concedida anualmente a compositores e letristas britânicos.

Nascido em 25 de março de 1947, em Londres, Inglaterra,  Reginald Kenneth Dwight, começou em 1967, tem mais de trinta álbuns produzidos juntos. Em sua carreira de cinco décadas, Elton John já vendeu mais de 300 milhões de discos, tornando-o um dos músicos de maior sucesso no mundo. 

Ele cresceu na área de Pinner, Londres. Aprendeu a tocar piano cedo, e em 1962 formou uma banda de blues chamada Bluesology. Conheceu seu parceiro Bernie Taupin em 1967, depois de ambos responderem a um anúncio para compositores.

Assumiu a união civil com David Furnish em 21 de dezembro de 2005, e depois que o casamento entre pessoas do mesmo sexo tornou-se legal na Inglaterra e País de Gales em 2014, eles se casaram em 21 de dezembro de 2014. 

sábado, 25 de março de 2017

Encontro de grafiteiros vai até o fim de março em Rio Branco

Bate-papos, workshops, shows e arte em diversos pontos da cidade serão promovidos durante o RB Grafite 2017. O evento, realizado pelo Coletivo de Artes Urbanas Acreano (Caua), com apoio do governo do Estado e Prefeitura de Rio Branco, será entre os dias 25 e 31 de março, na capital.


O lançamento acontece a partir das 10h de sábado, 24, na Fundação Garibaldi Brasil, e contará com a entrega de kits de pintura para os artistas, além da apresentações de DJs, rappers e bandas. No mesmo dia, às 19h, quatro grafiteiros farão live paint na Gameleira.

Já no domingo, 26, a programação se inicia às 14h, na Área de Ginástica do Canal da Maternidade, também com apresentação de diversos artistas acreanos, tais como Clãboco, Samyron Rap, Marecrew e Rasta Crew, entre outros. Às 18h, o grupo TRZ Crew fará a grafitagem no espaço. Em comemoração ao Dia Internacional do Grafite, comemorado na segunda-feira, 27, a Escola Dr. Mario de Oliveira receberá, às 8h, um bate-papo sobre artes urbanas, com a presença de artistas locais e nacionais.


Na terça-feira, 28, haverá a solenidade de lançamento de Guia de Artes Urbanas, na Câmara Municipal dos Vereadores. O material contém um mapa mostrando todas as localidades das artes de oito artistas de Rio Branco, além de contar sobre a trajetória e estilo de cada um. Os debates sobre artes urbanas seguem na quarta-feira, 29, na Escola Heloísa Mourão Marques. O último dia de evento promoverá, a partir das 9h, um multirão de grafite com artistas convidados no Mercado dos Colonos. A festa de encerramento será a partir das 18h, no Casarão.

Ainda neste ano, o grupo TRZ Crew Grafite e Arte iniciou o projeto “Águas Sagradas”, que visa levar a grafitagem para as ETAs de Rio Branco. A ideia prevê, ainda, que os artistas levem a grafitagem para demais espaços degradados da capital, a fim de recuperá-los utilizando a expressão artística.

Brasil leva 34 autores ao Salão do Livro de Paris

Brasil leva 34 autores à 37ª edição do Salão do Livro de Paris, que teve início na sexta, 24. 

Em Paris, capital francesa, começa a 37ª edição do Salão Livro de Paris, que reúne três mil escritores e escritoras do mundo todo na maior feira literária da França. O secretário de Economia da Cultura do Ministério da Cultura (MinC), Mansur Bassit, estará presente no evento representando o MinC, e o Brasil contará com estande ao lado do pavilhão de honra do Marrocos – país homenageado em 2017.

Este ano, o Ministério das Relações Exteriores levará 34 autores brasileiros que participarão das atividades, oficinas e debates previstos para o Salão. A expectativa é que nos quatro dias de duração do evento circulem cerca de 150 mil pessoas.  Único país a ter sido duas vezes o convidado de honra do evento, em 1998 (quando delegação de 38 autores esteve presente) e em 2015 (quando 48 escritores foram oficialmente convidados), o Brasil vem desde 2012 participando ininterruptamente do Salão do Livro.

Para esta edição, a Embaixada brasileira em Paris oferecerá ampla programação literária, com cerca de 40 atividades, entre sessões de dedicatórias, mesas-redondas, conferências e leituras. 

Escritores presentes


Participarão do Salão, no estande da Embaixada brasileira os escritores: Antonio Salvador, Domício Proença Filho, Estevão Azevedo, Fabio Pereira Ribeiro,Flávio Goldman, Franklin Carvalho, Godofredo de Oliveira Neto, Henrique de Medeiros, Henrique Rodrigues,Julia Wähman, Luisa Geisler, Marcelo Maluf, Marcelo Marinho, Marcelo Moutinho, Márcia Tiburi, Marco Guimarães, Marcos Peres, Mario Rodrigues, Marta Barcellos, Mazé Chotil, Mickael de Oliveira, Nilma Lacerda, Paula Salnot, Paulo Emilio Azevedo, Rafael Gallo, Roberto Parmeggiani, Robson Viturino, Rodrigo Ciriaco, Rui Zink, Samuel Titan Junior, Saulo Neiva, Sheyla Smanioto, Socorro Acioli e Susanna Busato.

Bob Dylan retorna ao passado

Bob Dylan diz não estar sendo saudosista em novo álbum onde revisita grandes clássicos do passado. 

“Triplicate” o mais recente álbum de Bob Dylan, explora canções norte-americanas das décadas de 1930, 40 e 50. Entretanto, o cantor e compositor diz que isto não significa que está com saudades do passado.
O cantor também não se mostrou preocupado se seus fãs irão gostar do disco. Este é o terceiro em muitos anos que apresenta versões para canções clássicas como “Stormy Weather”, “As Time Goes By” e “Stardust”.
“Estas canções são algumas das coisas mais dolorosas já colocadas em um disco e quis fazer justiça a elas. Agora que as vivi e vivi através delas, entendo-as melhor”, disse Dylan, de 75 anos, ao escritor musical Bill Flanagan em rara entrevista.
O álbum “Triplicate”, de três discos, será lançado em 31 de março. Ele segue o álbum de covers de Frank Sinatra “Shadows in the Night”, de 2015, e “Fallen Angels”, de 2016, fazendo um forte contraste com as composições socialmente engajadas de folk e rock pelas quais Dylan continua conhecido.
Perguntado sobre o que os fãs pensam de álbuns de covers, Dylan disse: “Estas canções são para o homem na rua, o homem comum, a pessoa cotidiana. Talvez seja um fã de Bob Dylan, talvez não, eu não sei”.
Em uma entrevista que abrangeu vários temas, Bob Dylan também falou sobre sua admiração pela falecida Amy Winehouse, chamando-a de “a última individualista real”; sua tentativa fracassada com George Harrison anos atrás. 

quinta-feira, 23 de março de 2017

I Concurso Itamaraty de Composição Musical

O Ministério das Relações Exteriores (MRE), em parceria com o Ministério da Cultura (MinC) – por meio da Fundação Nacional de Artes (Funarte) – e a Academia Brasileira de Música, está com inscrições abertas, até 30 de junho, para o I Concurso Itamaraty de Composição Musical. 

O objetivo da seleção – que presta homenagem aos 50 anos do Palácio do Itamaraty, sede do MRE – é incentivar a produção de nova literatura musical. Serão premiadas duas obras, uma na categoria "fanfarra", no valor de R$ 15 mil, e uma na categoria "dobrado", no valor de R$ 20 mil. As obras vencedoras serão incorporadas ao Banco de Partituras de Música Brasileira da Academia Brasileira de Música e comporão a Coleção Itamaraty de Composição Musical.

Podem se candidatar compositores brasileiros, natos ou naturalizados, residentes ou não no Brasil. A obra deve ser inédita, sem adaptações ou arranjos de obras previamente apresentadas, ter duração de 3 a 5 minutos, para categoria fanfarra, e de 4 a 6 minutos para dobrado.

O resultado final será divulgado até 31 de julho nos portais da Funarte e da Academia Brasileira de Música. 

quarta-feira, 22 de março de 2017

Exposição inédita que recria Castelo Rá-Tim-Bum

Para comemorar o aniversário de 28 anos, o Memorial traz de volta a magia do programa infantil de TV que emociona diferentes gerações


O Memorial da América Latina, São Paulo, vai inaugurar no dia 31 de março a exposição Rá-Tim-Bum, o Castelo. A megaprodução contará com um castelo idêntico ao da série, onde o público terá a chance de entrar, construído numa área de 700m² anexa ao Pavilhão da Criatividade.

A exposição ficará aberta ao público das 9h às 22h, de terça-feira a domingo. Os ingressos começam podem ser adquiridos na bilheteria especial do Espaço Gabo (portões 8 e 9) ou on-line pelo site da exposição, com direito de escolha do dia e horário da visita.

O projeto tem como parceiros a TV Cultura, mantida pela Fundação Padre Anchieta, que produziu e exibiu uma das séries de maior sucesso da televisão brasileira, o Castelo Rá-Tim-Bum, e a Caselúdico, empresa referência na montagem de grandes exposições e responsável por toda a cenografia.

História

Considerado um dos grandes sucessos da TV Cultura, o Castelo Rá-Tim-Bum foi produzido e exibido pela emissora entre 1994 e 1997. Com 90 episódios, a série é considerada paradigma na programação infantil da televisão brasileira.

Ganhou o prêmio da APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) em 1994 e virou filme em 1999. A arquitetura da maquete do Castelo foi inspirada no estilo modernista do artista catalão Antoni Gaudí, que projetou a Basílica da Sagrada Família, uma das atrações turísticas de Barcelona.

ERVIÇO

Exposição Rá-Tim-Bum, o Castelo
Abertura para o público dia 31 de março, às 19h
De terça-feira a domingo, das 9h às 22h
Memorial da América Latina (Avenida Auro Soares de Moura Andrade, 664 – Metrô Barra Funda – São Paulo)
Ingressos: R$ 20 e R$ 10 (meia entrada)